Passar para o Conteúdo Principal
 

Resultados do Inquérito à Comunidade Científica e Tecnológica

Resultados do Inquérito à Comunidade Científica e Tecnológica

Em parceria com o ISCTE – Instituto Universitário de Lisboa, foi realizado um inquérito por questionário aos membros da Comunidade Científica Nacional. Utilização, interesse e satisfação foram as métricas-chave. 

O objetivo na realização deste inquérito era triplo: aferir o grau de conhecimento dos serviços disponibilizados ; conhecer a perceção de qualidade e utilidade dos mesmos; e ainda fazer um levantamento de melhorias e necessidades.

Realizado em suporte eletrónico, o inquérito teve 1131 respostas e centrou-se em professores, investigadores, estudantes de doutoramento e pessoal técnico-administrativo.

Conhecimento
Relativamente ao primeiro objetivo, sobre o conhecimento dos serviços, os resultados mostram que a rede Eduroam é a mais conhecida pelos membros da comunidade, com mais de 90% dos inquiridos a garantir conhecer esta rede inter-universitária. Seguem-se o RCAAP, o Colibri e o Arquivo.pt.

Ainda sobre este ponto, o relatório conclui que o desconhecimento dos serviços é sobretudo evidente nos “de Segurança e de Computação”, ressalvando que, “apesar deste panorama, os respondentes revelam interesse em conhecer  muitos dos serviços”. Os comentários gerais, reforçam a noção de desconhecimento de muitos serviços e do interesse em os conhecer.

Utilização
Em geral, a não-utilização dos serviços disponibilizados à comunidade decorre “mais do desconhecimento em relação a estas ofertas do que propriamente da opção por serviços alternativos”, detalha o relatório. Nessa lógica, apenas “um pequeno número dos respondentes” afirma utilizar outros serviços que cumpram a mesma função.

Na generalidade, os utilizadores revelam um elevado nível de satisfação com a utilização dos serviços, com taxas que raramente se encontram abaixo dos 70%. Neste campo, destacam-se, no grupo dos serviços com maior utilização, o Filesender (84%), Colibri (77%) e o Helpdesk (77%).

Comentários
De acordo com os dados do relatório, alguns dos inquiridos afirmaram sentir necessidade de mais informação sobre a Unidade de Computação Científica Nacional. No caso em que a unidade é “vagamente” conhecida, há “manifestações de surpresa quanto ao número de serviços oferecidos”. “A divulgação dos serviços (…) é absolutamente essencial” ou “surpreendeu-me a profusão de serviços que não conheço!” são algumas das frases destacadas.

Para o futuro, a “principal sugestão” mencionada nos comentários refere-se, precisamente, “a mais e melhor divulgação dos serviços junto da comunidade e das próprias instituições de ensino superior e ciência”. Neste campo, há sugestões como a criação de uma rede de pontos de contacto institucionais, criação de um link agregador dos serviços da unidade ou a formação técnica, realizada em cada instituição, de responsáveis pela divulgação.

Aproveitamos para agradecer à comunidade que servimos a colaboração no preenchimento do inquérito!