Passar para o Conteúdo Principal
 

Utilização do Filesender aumenta em 2020

Utilização do Filesender aumenta em 2020

Serviço FCCN para o envio seguro de grandes ficheiros regista um aumento significativo na sua utilização, revela o Gestor de infraestruturas da Unidade de Computação Científica Nacional da FCT, João Rosa.

Durante o mês de abril de 2020, foram enviados quase 9 mil ficheiros através do Filesender – um dado que representa um aumento de 181% face ao ano anterior. Este aumento significativo, explica o gestor de infraestruturas da Unidade FCCN, João Rosa, resulta da “elevada procura de ferramentas colaborativas por parte da comunidade” servida pela Unidade de Computação Científica Nacional da Fundação para a Ciência e a Tecnologia (Unidade FCCN).

No total, durante o primeiro quadrimestre de 2020, foram enviados cerca de 23 mil ficheiros através do Filesender – uma subida de 57% face ao mesmo período de 2019. João Rosa explica que a subida mais significativa regista-se a partir do mês de março, “encontrando expressão máxima em abril”.

O Filesender representa uma solução segura para o envio e partilha temporária de grandes ficheiros (até 100GB) entre utilizadores da RCTS. A partir desta aplicação web, é possível a utilizadores autenticados através do serviço RCTSaai enviar e armazenar temporariamente ficheiros de elevada dimensão.

Ainda que o serviço seja destinado à comunidade servida pelas instituições ligadas à RCTS, é também possível partilha de ficheiros entre um utilizador RCTSaai (não federado) e outro utilizador sem qualquer tipo de autenticação. “Esta é uma solução muito útil para aquelas situações em que o ficheiro que se quer enviar tem um tamanho demasiado grande para poder ser enviado por e-mail”, explica João Rosa.

Para mais informações, consulte a página sobre o filesender.